Collection chega à segunda edição homenageando paisagens urbanas

Sandro Curra - Foto: Divulgação
Sandro Curra – Foto: Divulgação

No próximo dia 17 de março, a partir das 19h, um grande evento marca o lançamento da segunda edição do Collection – publicação bienal, criada por Sandro Curra, gestor da Florense Recife, que tem como objetivo divulgar o trabalho realizado por 50 conhecidos e também emergentes nomes da arquitetura pernambucana. O livro, que teve sua primeira edição lançada em 2014, já figura como um dos principais indicadores de mercado da Arquitetura e Decoração do Estado.

A edição de 2016 traz 260 páginas de fotos e textos que ilustram o mais recente trabalho de escritórios tradicionais do nosso mercado como os de Carlos Augusto Lira, Márcia Nejaim, Romero Duarte, Ana Paula Cascão e PMZ Arquitetura, de Lorena Pontual, Elza Mendonça e Giuliana Zirpoli. Também estão documentadas as criações de novos nomes que já estão deixando suas marcas, como Martha Sá, Luciana Pontual e o Fábrica, de Ana Maria Freire e Camila Pereira, entre outros.

Além dos trabalhos dos arquitetos, o livro sugere uma investigação de quem são os artistas que colorem a cidade e como a street art está conquistando cada vez mais espaços dentro de residências. A edição apresenta ainda a reportagem “Um Olhar Sobre o Recife”, sobre a evolução da arquitetura pernambucana dos anos 70 até o momento. Pensada a partir do livro escrito pelo arquiteto Bruno Ferraz, onde o autor revisa a trajetória de uma cidade e, consequentemente, de uma sociedade que se transforma e se moderniza através do tempo. O exemplar traz ainda uma entrevista onde Ferraz revela o que espera para o Recife do futuro.

A FESTA – O evento vai acontecer no edifício onde funcionou o Santander Cultural, na Avenida Rio Branco, Bairro do Recife. No primeiro piso estarão expostas as fotos dos arquitetos e seus ambientes, com som por conta de Arthur Felipe e Banda Quintessence. Subindo, os convidados terão acesso a outro happening: Nando Zevê, artista visual pernambucano, conhecido por projetos como Peixe Fora D´Água, que coloriram o Recife e outras capitais do mundo, executará, ao vivo e in loco, a criação de uma obra de arte em grafitti, que será colocada à venda e terá toda a arrecadação destinada a causas sociais. Continuando escadas acima, estará a exposição do mobiliário da Linha Awa, coleção que resulta de trabalho conjunto entre a equipe criativa do Studio Florense e designers brasileiros – Rejane Carvalho Leite, Fernanda Brunoro, Heloisa Crocco/Croccostudio e Lattoog Design. No último piso, o terraço, funcionará como longe, com som da DJ Ana Sullivan.

%d blogueiros gostam disto: