Feira Japonesa do Recife acontece neste domingo no Recife Antigo

 

Com o tema Brasões de Família, a feira levará programação cultural, no próximo domingo, ao Bairro do Recife

 

Marcel-Uyeta

A 21ª edição da Feira Japonesa do Recife será no próximo domingo (3 de dezembro), das 10h às 20h, e terá abertura oficial às 11h30 com o Kagami Wari, quebra do barril de sakê, tradicional cachaça japonesa. O cônsul do Japão no Recife, Jiro Maruhashi, fará a abertura. Antes disso, haverá, às 11h, a apresentação do grupo Ren Taiko, pela Associação Cultural Japonesa do Recife. A feira, que acontece anualmente no Bairro do Recife e, desta vez, traz o tema “Brasões de Família”, é aberta ao público e conta com frequentadores cativos, que aguardam ansiosamente por esse dia o ano inteiro.

A escola de Limoeiro levará suas crianças para se apresentarem com coral e danças infantis. Logo depois, três músicos do grupo Kaito Shamidaiko, de São Paulo, subirão ao palco: Yoohey Kaito (tambor e syamisen), Yuzo Akahori (syamisen) e Kiyo Kubota (canto e syamisen). Também compõem a programação da feira, anime mangá, apresentação de artes marciais, torneio de Kendama, atrações culturais e desfile de Yukata. Exposições e oficinas de Ikebana, bonsai, temari e origami são outras atividades que os visitantes poderão conferir e participar.

Além disso, a rua do Bom Jesus será tomada de barraquinhas que irão comercializar artigos da cultura japonesa como como gatinhos da sorte, daruma, gueixas, faixinhas, leques, hashis, entre outros. A feira também abrange a praça do Arsenal da Marinha e a rua Barão Rodrigues Mendes e rua Domingos Martins, todas no Recife Antigo.

Na Praça do Arsenal da Marinha e rua Barão Rodrigues Mendes, barracas de comida vão oferecer pratos típicos orientais como sushi, yakissoba, harumaki, yakitori, okonomiyaki etc. A turma do “Anime e Mangá” se concentrará na rua Domingos José Martins, com objetos diversos, revistas e exibições. A Agência de Cooperação Internacional do Japão – JICA, órgão do governo japonês responsável pela implementação da Assistência Oficial para o Desenvolvimento (ODA) e que defende uma visão de “desenvolvimento dinâmico e inclusivo” em países em desenvolvimento, estará presente na ocasião. Seu estande divulgará bolsas de estudo para diversas áreas do conhecimento- cursos de saúde, humanas e exatas- e o apoio de estudos e projetos mediante investimentos técnico-financeiros do governo japonês.

Com público médio superior a 40 mil pessoas, a feira é promovida pela Associação Nordestina dos Ex-Bolsistas e Estagiários no Japão- Anbej e pela Associação Cultural Japonesa do Recife- ACJR.

O acontecimento é sempre esperado pela sociedade recifense. Visitantes de outros estados do Nordeste também se deslocam para participar da Feira Japonesa que, pelo sucesso de público, já faz parte do calendário turístico do Recife Antigo.

A feira conta com o apoio do Consulado do Japão no Recife, da Prefeitura da Cidade do Recife, e da JICA – no Brasil, além de suporte financeiro de empresas ligadas ao Japão, que irão expor na Rua do Bom Jesus. Para outras informações, procure Sílvio Braga (081.988577623) ou Akira Iyoda (081.988754639).

SERVIÇO: 21ª Feira Japonesa do Recife

Local: Rua do Bom Jesus, Recife Antigo

Data: 03 de dezembro de 2017 (domingo)/ Horário: 10h às 20h/ Entrada: franca

 

 

Leia também: