Stock: Casagrande conquista pódio com a equipe RMattheis e é segundo maior pontuador em Cascavel

Recordista de pontos da Stock Car em Londrina, Gabriel Casagrande foi o segundo maior pontuador da etapa deste domingo, desta vez em Cascavel. O piloto da equipe RMattheis conquistou 33 pontos após ter subido no pódio na corrida 2 com o terceiro lugar, somado ao sexto lugar obtido na corrida 1.

“O domingo foi bom para nós e fico feliz por esse pódio. Ontem acabei pegando uma poça de óleo e isso me tirou da pista na prova, mas hoje foi muito bom com 33 pontos, sendo o segundo maior pontuador da etapa. Foi um dia para recompensar todo o esforço que nós tivemos. A equipe está de parabéns, os mecânicos saíram do autódromo às 4h da manhã e 7h30 eles já estavam aqui de volta. A equipe está bem empolgada com o que estamos fazendo e nas próximas corridas podemos conseguir resultados ainda melhores”, diz Casagrande, que conquistou seu segundo pódio em 2020.

Chefe da RMattheis, Rodolpho Mattheis também parabenizou o trabalho de todos da equipe pelo final de semana em Cascavel. Neste domingo, a equipe conseguiu colocar os dois carros no top-10 do treino classificatório que definiu o grid para a corrida 1.

“Dentro do cenário do final de semana foi uma pena ter ficado no óleo porque tínhamos grande potencial e hoje conseguimos virar o jogo. Estou bem contente por sermos o segundo maior pontuador de hoje, mostra que estamos em um bom caminho, o Gabriel (Casagrande) fez uma corrida sensacional. Ele soube atacar quando precisava atacar, fez duas provas inteligentes.

Pedro Cardoso fez sua estreia na pista de Cascavel com o carro da Stock Car neste final de semana e vinha firme na disputa para se manter dentro do top-10, mas um problema no semieixo do carro tirou o piloto brasiliense da disputa na primeira prova. O piloto ainda retornou no meio da segunda corrida, mas também não completou.

“Foi uma grande falta de sorte, na verdade. Nossos dois semieixos quebraram. O primeiro quebrou na parada, a equipe conseguiu consertar, mas o segundo quebrou parado nos boxes e tivemos que trocar e isso atrasou nossa saída”, diz Cardoso. “É uma pena, essa foi a minha melhor classificação na Stock Car até hoje, o carro estava rápido para as duas corridas e tinha chance de brigar por melhores resultados. O esporte é assim, agora é levantar a cabeça para daqui a duas semanas fazer o meu melhor no Velocitta”, completa Cardoso.

Rodolpho também analisou o final de semana do piloto brasiliense. “Foi uma pena a corrida do Pedro, no momento do pit-stop ele acelerou e soltou a embreagem antes do carro encostar no chão e com isso quebrou o semieixo. Estávamos em uma estratégia de ir bem na prova 1 com ele, tínhamos potencial de estar entre os seis melhores na primeira corrida e fiquei bem feliz com o desempenho dele no classificatório. Ele está mostrando que tem um grande potencial de crescimento, foi uma pena que isso aconteceu e fica o aprendizado para as próximas”, diz Rodolpho.

As próximas duas etapas da Stock Car serão disputadas no Velocitta nos dias 17 e 18 de outubro, também no formato com três corridas no mesmo final de semana.

Sobre a equipe RMattheis 

A equipe RMattheis foi criada em 2012 com a parceria de Rodolpho Mattheis e seu pai Andreas, dois dos chefes de equipes mais vitoriosos da Stock Car atual. A equipe de Petrópolis (RJ) sempre contou com pilotos de histórico vencedor no grid, conquistando seus primeiros triunfos ainda no ano de criação do time.

Justamente por conta dos bons resultados e desenvolvimento técnico na categoria, a RMattheis teve sempre apoio de grandes patrocinadores ao longo de suas oito temporadas completas. Com 7 vitórias, 30 pódios e 4 poles, é um dos times mais respeitados e tradicionais do grid. Em 2020, a equipe tem os pilotos Gabriel Casagrande e Pedro Cardoso comandando os carros da equipe. Em paralelo, a RMattheis também chega ao rally no Sertões e acelera no Império Endurance Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *