Tambaú Alimentos: tradição, qualidade e inovação como principais ingredientes

Criada em 1962, a Tambaú teve início com a produção de doces artesanais no município de Custódia, sertão de Pernambuco. Seu fundador, Gerson Gonçalves de Lima, era de família humilde, mas sempre sonhou em se tornar um grande industrial. Por isso, pouco a pouco, o processo artesanal foi dando lugar a uma indústria com maquinários de última geração e profissionais capacitados no ramo de alimentos. Dedicação, responsabilidade, persistência e muitos investimentos em tecnologia foram os principais ingredientes dessa receita de sucesso.

Hoje, com 56 anos de atuação, a Tambaú não para de crescer e tem a segunda geração da família à frente da gestão. O filho mais novo do fundador, Hugo Gonçalves, é o presidente da empresa e toca a administração da marca com o mesmo amor e dedicação que via no pai. “Agradeço primeiramente a Deus por poder dar continuidade, com muito trabalho e força de vontade, o sonho de um menino pobre do interior que desejava ter uma grande empresa que fosse geradora de muitos empregos naquela região do sertão de PE”, declara o diretor. Além dele, também participam da administração os irmãos Maura e Iuri e os netos do fundador, que também já fazem parte do quadro de colaboradores, consolidando assim a longevidade da marca.

Atualmente, são fabricados cerca de 110 tipos de produtos, distribuídos para os estados do Norte e Nordeste do Brasil. Mais de 400 funcionários atuam na indústria, beneficiando centenas de famílias do sertão do Moxotó, semiárido nordestino. Uma base no Recife é mantida, onde funciona o departamento comercial, marketing e compras, para atender melhor as demandas de clientes e parceiros.

Embora seja uma empresa “cinquentona”, a Tambaú faz do tempo um grande aliado na hora de usar da experiência para inovar em suas ações. Foi pioneira em diversos processos na indústria de alimentos, entre os seus concorrentes, como o lançamento dos copos de vidro com tampa abre fácil nos seus derivados de tomate e as embalagens stand-up pouchs (SUP) na sua linha de molhos. Até sua tradicional goiabada se aliou à tecnologia para ganhar uma nova roupagem, utilizando a impressão total na tampa do produto, diferenciando-o entre os demais nos pontos de venda.

Além das inovações constantes para oferecer o melhor aos seus consumidores, a Tambaú também ousa nos lançamentos de novas categorias que chegam para enriquecer sua linha de produção e atender às expectativas do público.  Recentemente, a marca deu início à produção de conservas, lançando suas azeitonas, e também começou a produzir suas linhas de temperos em tablete e em pó.

PRÊMIOS

Ao longo dos anos, a evolução da empresa e o reconhecimento do público conferem à Tambaú, cada vez mais, destaque e conquista de espaços no mercado, no paladar e na mente dos seus consumidores. Tudo isso é refletido através das inúmeras premiações já conquistadas pela marca.

Entre os produtos, o catchup é o mais premiado. Já está no terceiro ano consecutivo como o preferido nos lares das famílias do Norte/ Nordeste, através de pesquisas de institutos como o Nielsen.

Recentemente, a marca também foi destaque nas premiações que valorizam a gestão, como o Carrinho de Ouro, da Associação Pernambucana de Supermercados (APES), na categoria Qualidade no Atendimento. Além disso, a Tambaú também foi contemplada com o prêmio Orgulho de Pernambuco, realizado pelo Diário de Pernambuco, no segmento Indústria, recebendo mais de 15 mil votos dos pernambucanos que escolheram o nome de Hugo Gonçalves como personalidade industrial do ano de 2017. Agora em 2018, a Tambaú ganhou o primeiro lugar na categoria Goiabada no Prêmio Marcas que Eu Gosto, realizado pela Folha de Pernambuco.

“Esses prêmios mostram que estamos no caminho certo, através do nosso compromisso com nossos consumidores e com nossos clientes, dando atenção, retorno e estando sempre junto deles”, destaca Hugo Gonçalves.

Hugo Gonçalves – Presidente da Tambaú Alimentos

EXPANSÃO

A trajetória da Tambaú se apresenta sempre em constante crescimento. Seja nas metas alcançadas ao longo dos últimos anos, mesmo diante do período de crise no Brasil, seja na visão dos seus gestores e nos planos de expansão, sendo alguns executados ainda em 2018.

A construção de um novo galpão logístico para triplicar a capacidade de armazenagem dos produtos é uma dessas ações, com objetivo de abrir espaço na fábrica e ampliar a linha de armazenamento. O investimento para o novo galpão, gira em torno de R$ 4 milhões. Para as vendas, todos os beneficiamentos gerados a partir desse novo espaço podem significar um incremento de 15%.

“O funcionamento do novo galpão vai nos possibilitar disponibilizar área industrial para produção. E já estamos trabalhando no desenvolvimento de novos produtos. Assim também poderemos buscar novos mercados, além da expansão na atuação da empresa para outras regiões do país e da América Latina”, revela Hugo Gonçalves.

LANÇAMENTO PREMIUM

O sucesso do catchup Tambaú é notório diante da demanda de produção e da quantidade de prêmios que o produto vem conquistando ao longo dos anos. Por isso, além de oferecer aos consumidores os já consolidados rótulos: tradicional, picante e 100% nordestino, agora a marca ousa apostando na qualidade de sua produção e na aceitação do público e se lança uma nova linha, a Premium. Para abrir o segmento, a Tambaú apostou no catchup para conquistar um público que opta pelo gourmet.

“Cada catchup nosso tem um sabor personalizado que satisfaz um público-alvo diferente. Resolvemos apostar nesse produto porque acreditamos que o mercado precisa de mais variedade e, através de pesquisas, constatamos que temos consumidores bastante exigentes e que gostam de um sabor mais apurado”, explica a Coordenadora de Marketing, Alzira Monteiro.

Para Igor Gonçalves, Gestor Comercial, o lançamento representa a pretensão da Tambaú de adentrar nesse mercado de produtos de padrão mais elevado. “Com a chegada de concorrentes multinacionais no Brasil e a elevação dos hábitos de consumo, percebemos uma tendência na demanda dos consumidores por produtos diferenciados. Apesar de ser um segmento ainda pequeno comparado com o qual a Tambaú já atua, acreditamos que é um segmento bastante abrangente e cheio de oportunidades. Pensando assim, resolvemos fazer um produto de primeira linha com uma experiência de sabor ainda melhor que os outros produtos e com a qualidade já conhecida da Tambaú”, explica Igor.

Por Isabel Ribeiro

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *