Desafio Olinda de Inovação Aberta premia proposta para incrementar o turismo

 

Evento foi voltado para empresas juniores e contou com a participação da Olinda Creative Community Action (OCCA), que incentiva projetos inovadores

Os caminhos para incrementar o turismo no município de Olinda em tempos de pandemia foram discutidos no Desafio Olinda de Inovação Aberta, que premiou a proposta vencedora na noite desta segunda-feira (26). O vencedor foi o projeto União dos Quatro Cantos, apresentado pelas empresas Elementus Júnior Consultoria e Poli Júnior Engenharia, que propõe a implantação de uma plataforma, em sistema web, para dar mais visibilidade aos pontos turísticos e aumentar a conexão entre os guias turísticos e a comunidade local. O evento fez parte do projeto Jornada Pernambuco do Futuro, voltado para micro e pequenos empreendedores do turismo com o objetivo de incentivar projetos inovadores.

O desafio foi promovido pela Federação das Empresas Juniores do Estado de Pernambuco (Fejepe), em parceria com a Organização do Encontro Nacional das Empresas Juniores, Prefeitura de Olinda e diversas entidades da sociedade civil. Foram propostos três desafios aos participantes: como transformar Olinda em um Hub de empreendedorismo criativo; como reinserir microempreendedores que não têm acesso ao digital na economia; e como se adaptar aos novos hábitos dos visitantes/turistas de Olinda.

A programação começou na ultima sexta-feira (23), com visitas dos representantes das empresas participantes a entidades e empresas relacionadas ao trade e voltadas ao desenvolvimento de projetos inovadores, entre elas a Olinda Creative Community Action (OCCA). “Esse encontro foi um privilégio, foi uma alegria para a OCCA fazer parte desse processo. Estamos contribuindo para o mapeamento de possibilidades. Esse é o começo de uma parceria permanente, queremos estar em contato com quem está saindo da universidade, com quem quer empreender”, disse Kleber Dantas, um dos fundadores da OCCA. Ele falou sobre um dos temas mais procurados do desafio: a estruturação dos negócios levando em consideração a economia criativa.

“As empresas juniores trabalham cada vez mais sob o ponto de vista da inovação, por isso escolhamos a OCCA para começar nossa jornada, que vai passar por vários lugares. Em Olinda buscamos soluções para os problemas do turismo no município, principalmente nesse cenário de pandemia. Vamos manter essa parceria com a OCCA”, destacou Cícero Damasceno, presidente da Fejepe. Os desafios de inovação aberta serão realizados mensalmente, culminando com o Encontro Nacional de Empresa Juniores (Enej), que será realizado em setembro. O desafio do próximo mês será entre a Fejepe e Ambev, pois também tem como objetivo encontrar financiadores para os projetos.

A OCCA é um coletivo formado por profissionais de diversas áreas e tem como objetivo transformar ideias criativas em projetos viáveis e sustentáveis. Sua proposta é incentivar a inovação nas mais diversas áreas, como tecnologia, lazer, turismo, e empreendedorismo. A sede fica localizada em um casarão na esquina da Rua 13 de Maio com a Rua da Boa Hora, no Sítio Histórico de Olinda. Veja outras informações no site www.occa.space

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *