Sistema Hapvida se prepara para construir mais dois hospitais no Recife

Com investimento de cerca de R$135 milhões, dois novos hospitais serão entregues na capital pernambucana em 2021 e 2022

Em meio a um ano tão desafiador para a saúde, o Sistema Hapvida finaliza 2020 com o anúncio de dois grandes presentes para o Estado de Pernambuco. A partir do dia 29/12, quando recebe os alvarás de obras das mãos do prefeito de Recife, Geraldo Júlio, o Hapvida inicia a construção de dois novos hospitais na rede própria de atendimento. A entrega dos documentos aconteceu no gabinete do prefeito, nesta terça, 29/12, às 10 horas, com a presença do vice-presidente Comercial e de Relacionamento do Sistema Hapvida, Candido Pinheiro Junior.

Localizados na Avenida Agamenon Magalhães, no bairro Boa Vista, o Hospital Geral do Recife e o Hospital Pediátrico serão divididos por vocação e se somarão à rede do estado, que já conta com seis unidades hospitalares especializadas. Com as obras, o Sistema Hapvida fará um investimento total de cerca de R$ 135 milhões e empregará, diretamente, 450 pessoas durante a construção. Já com o funcionamento das unidades, previsto até 2022, serão contratados cerca de 2 mil colaboradores diretos e indiretos. “Recentemente, inauguramos em Recife o nosso super laboratório para análises clínicas, em parceria com a Roche. Agora, com os hospitais, reafirmamos nosso compromisso com a saúde e o bem-estar da população, que tanto nos apoiou e confiou no nosso trabalho. Com a vocação da unidade, acreditamos que atendimento se torna ainda mais assertivo e acolhedor. Ao mesmo tempo, com o Hospital Geral, entregaremos para Recife o nosso maior hospital em área construída 32 mil m² em área construída”, antecipa Candido Pinheiro Júnior.

Novos hospitais

O Hospital Geral do Recife contará com investimento total de R$100 milhões e será construído na Av. Governador Agamenon Magalhães, no bairro Boa Vista, local considerado pólo médico da cidade. A unidade contará com mais de 32 mil m² de área construída, tornando-se, assim, o maior hospital em área construída de todo o Sistema. Contará com 121 leitos de internação, 20 leitos de UTI, 09 salas de cirurgia, 35 poltronas para medicações, 24 leitos de observações e recuperações, 20 consultórios médicos, 08 postos de coletas laboratoriais, além de tomografia, hemodinâmica, ECG, sala de suturas e curativos, sala de gesso, raios x, exames de ultrassom, ressonância, leitos de emergências e endoscopias. A previsão é de que o hospital seja inaugurado no primeiro semestre de 2022.

Para o Hospital Pediátrico serão investidos cerca de R$35 milhões. Ele também fica na principal artéria do Recife, a Avenida Governador Agamenon Magalhães, nº 3621, no bairro Boa Vista, onde era a antiga emergência cardiológica Unicordis, próximo à Rua Professor Othon Paraíso. Terá mais 12 mil m². A unidade será equipada com 50 leitos de internações, 34 poltronas para medicações, 24 leitos de observações e recuperações, 17 consultórios médicos, 10 leitos de UTI, 02 postos de coletas laboratoriais, 03 salas cirúrgicas, ultrassons, leitos de emergências, sala de suturas e curativos, sala de gesso, tomografia e raio X.

Rede própria na capital

O Sistema Hapvida conta com os hospitais do Cabo, Espinheiro, Capibaribe, Casa Forte, Ilha do Leite e Vasco Lucena localizados em diferentes áreas da Região Metropolitana do Recife (RMR). Ao total, tem cinco prontos atendimentos, 17 Hapclínicas, 16 unidades de imagens e diagnósticos, além de quatro unidades de medicina preventiva, só em Pernambuco. Conta, ainda, com mais de mil médicos e mais de 700 dentistas. E uma das consequências de todo esse investimento é a geração de empregos. Só no estado, o Hapvida conta com aproximadamente 4 mil colaboradores diretos, e tem expectativa de gerar cerca de 2.000 novos empregos diretos com a chegada dos dois hospitais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *