2ª Etapa da Stock Car no Autódromo de Interlagos com promessa de ainda mais equilíbrio

Depois de uma primeira etapa, em Goiânia, cheia de reviravoltas e equilíbrio, a Stock Car desembarca no Autódromo de Interlagos, na capital do estado de São Paulo, para dar sequência a um campeonato que desde o início já mostrou que será extremamente competitivo. Palco da decisão do título em 2020, que coroou o tricampeonato de Ricardo Maurício, a tradicional pista paulistana tem um histórico invejável para o registro de momentos históricos do automobilismo nacional e internacional.

E para contribuir nesse desafio de marcar época no asfalto de Interlagos, a Pirelli levará a São Paulo os mesmo compostos usados no campeonato do ano passado, inclusive com a marca italiana mantendo a nova medida do pneu Cinturato, de chuva, que em 2020 ficou nas mesmas dimensões do pneu de pista seca, o P Zero: a medida cresceu de 285/645-18 para 305/660-18, forma que teve ótima aceitação por pilotos e chefes de equipe da categoria máxima do Brasil.

Todos os pneus da Stock Car, que são exclusivos da categoria, foram recém-fabricados nas plantas especializadas em competição da Pirelli na Europa (as mesmas que também fabricam os pneus de Fórmula 1, inclusive), localizadas em Ismit, na Turquia, e em Slatina, na Romênia. A produção dos pneus para a temporada 2021 é feita em lote único, tudo para assegurar que não exista nenhuma diferença de desempenho em cada pneu. E, na prática, já deu para ver isso na corrida de Goiânia, onde 27 carros ficaram dentro do mesmo segundo no primeiro treino livre para a etapa.

“Logo no início da temporada de 2021, já pudemos constatar algo que tem sido uma máxima da Stock Car nos últimos anos: o equilíbrio. Isso, entre outras coisas, também é fruto do nosso compromisso na Pirelli para que possamos fornecer um produto de alto rendimento para todos os participantes do campeonato. Como sempre fazemos questão de frisar: os pneus da Stock Car são produzidos dentro do mais rígido controle e precisão no processo de fabricação. Assim, garantimos que não haverá disparidade entre os competidores, mantendo o nível de desempenho”, disse Fabio Magliano, gerente de produtos Car e Motorsport da Pirelli para a América Latina.

“Interlagos é uma pista de sentindo anti-horário, dessa forma o pneu que mais sofre é o traseiro direito, pois é o lado em que o carro mais se apoia nas curvas, além dele estar localizado no eixo de tração. Em caso de alta temperatura de pista, pode existir um agravamento com relação ao desgaste, por isso, orientamos as equipes que sigam nossas recomendações de pressão e cambagem”, completou Magliano.

Líder do campeonato após a disputa da primeira etapa, Daniel Serra aparece como um dos favoritos para a etapa de Interlagos, onde conquistou o tricampeonato da categoria em 2019. Entretanto, um outro multicampeão, o penta Cacá Bueno surge renovado para a disputa pela taça, após conquistar a pole na prova de Goiânia, chegando posteriormente em segundo na corrida 1. Ele é dono de sete triunfos no autódromo de São Paulo, o maior vencedor em pista.

A Band é a responsável por exibir a Stock Car na TV aberta. Além disso, o SporTV segue como parceiro da categoria para as transmissões em TV fechada. BandSports e SporTV transmitem o treino classificatório para a etapa de Interlagos no sábado às 15h20, enquanto a corrida 1 no domingo será ao vivo na Band e no SporTV às 11h15, com a corrida 2 às 11h53.  O canal oficial da Stock Car no YouTube, o site motorsport.com e o Facebook do Auto Vídeos também transmitirão ao vivo a etapa. Já a Stock Light terá a corrida 1 realizada no sábado às 16h40, enquanto a segunda prova será disputada no domingo às 13h15.

 

Foto: Duda Bairros/Vicar

PNEUS DISPONÍVEIS

Pista seca: P Zero na medida 305/660-18

Pista molhada: Cinturato na medida 305/660-18

CARACTERÍSTICAS DA PISTA (entre 1 e 5):        

Abrasividade da pista: (4)

Força lateral: (4)

Pneu mais exigido (traseiro direito)

 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS P ZERO:

Cambagem recomendada dianteira: (-5,0°)

Cambagem recomendada traseira: (-3,0°)

Calibragem recomendada a frio: 24 PSI

Calibragem recomendada a quente: 32 PSI

 

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CINTURATO:

Cambagem recomendada dianteira: (-2,0°)

Cambagem recomendada traseira: (-0,0°)

Calibragem recomendada a frio: 26 PSI

Calibragem recomendada a quente: 32 PSI

SÁBADO15 DE MAIO

09h50 – 11h00: 1º treino livre Stock Car

12h40 – 13h50: 2º treino livre Stock Car

15h20 – 16h05: treino classificatório Stock Car

 

DOMINGO16 DE MAIO

11h15: corrida 1 Stock Car

11h53: corrida 2 Stock Car

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *