Pedrosa DJ lança novo single com pista virtual vigorosa e referências retrô

A partir das próxima sexta (26), desembarca nas plataformas Tidal, Spotify, Appel Music e Deezer o single Prelúdio do Baile, nova obra do produtor musical Pedrosa DJ, especialmente concebido para trazer leveza e descontração ao público ouvinte em tempos pandêmicos nos quais a pista de dança é transferida para dentro dos lares. O single será lançado pelo selo Rio Doce Piedade Mix.

Em Prelúdio do Baile, Pedrosa DJ também rompe os paradigmas e delimitações espaciais geográficas de gravações com registros feitos em três estados brasileiros ao promover o encontro entre João Carlos Araújo (Violoncelo – Orquestra Sinfônica do Recife), Guila (Contrabaixo – Lenine) e Márcio Oliveira (N Zambi – Trompete). Seus respectivos instrumentos dialogam com loops, beats, samples, efeitos e timbres característicos do pop contemporâneo. O resultado é um som colorido, quase ansiolítico – sonoramente relaxante.

Na música feita para ópera um prelúdio geralmente anuncia algo grandioso que está por vir. No caso do single instrumental, Prelúdio do Baile é um spoiler do álbum feito de forma colaborativa, entre o DJ e Produtor Pedrosa DJ, e alguns dos músicos mais talentosos do Brasil. “O intento não é ser grandioso e dramático como as óperas. O único compromisso deste prelúdio para as pistas de dança, é com a leveza e descontração. O disco completo, quando finalizado, aparecerá primeiro nos apps de música, e posteriormente em vinil. O título provisório é ‘Ansiolírico’”, antecipa Pedrosa.

Atualmente morando em São Paulo, o produtor pernambucano aposta que Prelúdio do Baile chega para somar à produção musical nacional que vem sendo realizada por DJs e Produtores. Cada vez mais atuantes e desenvolvendo métodos próprios com a tecnologia que tem ao alcance, DJs e Produtores se revelam criadores capazes de parcerias surpreendentes.

Ficha Técnica
Produzido por Pedrosa DJ
Beats, loops, efeitos e samples: Pedrosa DJ
Violoncelo: João Carlos Araújo
Trompete: Márcio Oliveira
Contrabaixo: Guila

Violoncelo e trompete gravados no Estúdio Malunguim – Recife. Contrabaixo gravado no Estúdio Laguna Lab – Rio de Janeiro.

Mixado por Carlos Trilha no Orbita Studio – Rio de Janeiro.

Masterizado por Gustavo Lenza no Estúdio La Nave – São Paulo.

Arte de capa e design por Danilo Fontelles / Foto de Renato Filho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *